E se tentarmos?

domingo, 7 de dezembro de 2008

Sem palavras...

«No dia 24 de Setembro de 2008, um muçulmano egípcio matou a sua esposa por ela estar a ler a Bíblia. Após o homicídio, enterrou-a com o seu bebé nascido há poucos dias e uma filha de 8 anos de idade. As crianças foram enterradas vivas!!! E o homem disse à polícia que estas tinham sido assassinadas por um tio.

Quinze dias mais tarde, outra pessoa da família morreu. Quando foram enterra-la, encontraram as duas crianças enterradas na areia e vivas! O país ficou em choque. O homem será executado.

Perguntaram à menina de 8 anos como é que ela tinha conseguido sobreviver tanto tempo, ao que esta respondeu prontamente: “Um homem que usava roupas brilhantes e com feridas que sangravam das suas mãos, vinha todos os dias para nos alimentar. Ele acordava sempre a minha mãe, para ela amamentar a minha irmã.”

A menina foi entrevistada no Egipto, numa estação de TV nacional, por uma jornalista que tinha o rosto coberto. No decorrer da entrevista afirmou o seguinte: “Foi Jesus que veio cuidar de nós, porque mais ninguém faz coisas destas!”

Os muçulmanos acreditam que Isa (Jesus) aparecerá para fazer este género de maravilhas, mas as feridas em Suas mãos provam que Ele realmente foi crucificado e que Ele está vivo!

Mas também ficou claro que a criança não seria capaz de inventar uma história destas e nem seria possível que as crianças sobrevivessem sem um milagre verdadeiro.

Os líderes muçulmanos terão muita dificuldade em lidar com esta situação e a popularidade do filme “Paixão de Cristo” não os ajuda nada!

Como o Egipto está no centro dos media e da educação do Médio Oriente, é garantido que esta história se espalhará muito rapidamente.

O Senhor diz: “Abençoarei todo aquele que colocar Sua confiança em Mim” - Jeremias 17»

3 Comments:

  • Hmmmmm...
    Ficou claro... o quê? Esse parágrafo do "E ficou claro" não é lá muito claro.
    De resto, a coisa parece assentar numa visão de "Eu tenho mais razão que tu, toma, toma", ou numa de competição quase clubística.
    Além de que, convenhamos, o que é que ficar 15 debaixo da areia tem de especial?
    Keep up, bro :)

    By Blogger André Campos, at 8 de dezembro de 2008 às 03:31  

  • Le premier jour après une mort, la nouve absence. Solitude de l'un, blessure de l'autre. Même dans un monde désenchanté l'Être fait son chemin.

    By Blogger Hélder, at 8 de dezembro de 2008 às 16:34  

  • O Senhor diz: “Abençoarei todo aquele que colocar Sua confiança em Mim” - Jeremias 17»

    Mais palavras para que?.....

    By Anonymous Fly, at 9 de dezembro de 2008 às 22:03  

Enviar um comentário

<< Home