E se tentarmos?

sábado, 21 de novembro de 2009

Que lado você escolheu?


"Assim também vós considerai-vos como mortos para o pecado,mas vivos para Deus, em Cristo Jesus" (Romanos 6:11)


Quando uma pessoa viaja, nos Estados Unidos, pela estrada Interestadual 77, através de West Virginia, Virginia e Carolina do Norte, não pode evitar ver a mensagem das três cruzes silenciosas. Aquelas cruzes nos fazem lembrar de algo que aconteceu no Monte Calvário. Lá estavam, também, três cruzes. Em uma havia um ladrão morrendo em pecado e em outra um ladrão morrendo para o pecado. A cruz do centro fala do Redentor que morre pelo pecado. A cruz central divide toda a humanidade em duas categorias -- aqueles que rejeitam Cristo e morrem em pecado e aqueles que recebem Cristo e podem morrer para o pecado.


De que lado da cruz central nos encontramos? Qual tem sido a nossa opção em relação ao pecado e o que temos feito após a nossa decisão? Se decidimos continuar em nossa vida de pecados, longe do Senhor, já nos arrependemos e buscamos o caminho que nos leve para o outro lado? Se decidimos ficar junto do Senhor, abandonando os enganos do mundo, temos nos esforçado em buscar mais e mais a Sua presença e ser uma bênção em suas mãos?


Quando escolhemos permanecer do lado da cruz que nos conduz à morte em pecado, deixamos de gozar da alegria da salvação, do amor incomparável de nosso Deus, do regozijo que têm aqueles que caminham nos átrios do Senhor, da bênção de ter o nome escrito no Livro da Vida. Quando escolhemos ficar junto à cruz que nos permite morrer para o pecado, passamos a viver uma vida mais abundante, a experimentar o calor espiritual do Sol da Justiça, a ter fé e esperança na realização de cada um de nossos sonhos, a não temer a morte, pela certeza de que estaremos eternamente ao lado de nosso amado Deus.


Que lado você escolheu?


in Escuro Iluminado

2 Comments:

  • Eu escolhi o lado que peca. Peca, peca, peca, peca.
    Ai, sou do caraças, pá.

    By Blogger André Campos, at 25 de novembro de 2009 às 12:28  

  • Absolutamente nada contra os U2.Sempre melhor que uma daquelas choradeiras com acentuação brasileira !!!
    Mas substitui por algo que valorize mais o Homem na sua realidade presente, porque a transcendencia (exista ou não, tenha que tonalidades tiver) parte sempre desta síntese espacio-temporal, da qual apenas o Homem consegue ter uma percepção a priori

    Somos o nosso espaço e o nosso tempo, saibamos reclamá-los para nós

    Nem Deus, Nem Amos

    E aqui deixo uma Ode aos...humanos

    http://www.youtube.com/watch?v=KR-5myt4z48

    BH - BEING HAPPY!!!

    By Anonymous Anónimo, at 28 de novembro de 2009 às 13:09  

Enviar um comentário

<< Home